Siga o OTD

Vôlei

Na reedição da final olímpica, Brasil é derrotado pela Itália

Vitória dos italianos no tie-break no confronto que marcou a reedição da final da Olimpíada na Copa dos Campeões. Assista! – –

Em 2016, na final da Olimpíada do Rio, quem saiu com a melhor foi a Seleção por 3 sets a 0. Nesta quarta-feira (13), o Brasil perdeu para a Itália no tie-break, por 3 sets a 2, com parciais de 25 a 15, 25 a 27, 25 a 27, 25 a 18 e 12 a 15, no segundo duelo da Copa dos Campeões, competição que acontece de quatro em quatro anos, no Japão. O que começou parecendo ser uma partida fácil, acabou com o primeiro revés da equipe na competição. Wallace e Lucarelli foram os melhores pontuares brasileiros com 19 e 17 respectivamente.

+ VEJA A TABELA COMPLETA DA COPA DOS CAMPEÕES DE VÔLEI MASCULINO

Atual campeão do torneio, o Brasil estreou com vitória na Copa dos Campeões. A seleção masculina de vôlei enfrentou a França, enquanto a Itália perdeu para o Irã por 3 sets a 2. Na próxima rodada, a Itália encara o Japão, no dia 15 (sexta), às 7h15, enquanto o Brasil volta à quadra diante do Irã, na mesma data, mas 00h40.

O Brasil teve domínio do primeiro set. Com destaque para o saque, a Seleção abriu mais de oito pontos de vantagem e fechou a parcial de forma confortável: 25 a 15. Lucarelli e Wallace foram os destaques.

Já na segunda etapa, o Brasil começou na vantagem, mas viu os italianos buscarem o placar e passarem à frente. Disputado ponto a ponto, a Itália abriu margem de três ainda no início do set, que se manteve no erro brasileiro, embora a equipe de Renan Dal Zotto tenha encostado. O bloqueio era ineficiente e o passe não funcionava. Com Lucarelli, o Brasil chegou ao empate, mas não adiantou. O saque italiano foi o diferencial: 27 a 25.

O que se desenhava no início como uma partida fácil passou a ser cada vez mais complicada. Mesmo com o bloqueio melhor no terceiro set, os italianos assumiram a dianteira 21 a 19. No final o Brasil voltou a frente: 23 a 22. Mais uma vez o final do período foi dramático, a Itália teve três vezes a chance de definir e fechou outra vez: 27 a 25.

O quarto set iniciou com vantagem italiana, que se manteve por boa parte do tempo. A Seleção reagiu e voltou a frente com diferença: 21 a 16. O bloqueio de Maurício e o saque de Lucarelli foram os responsáveis por colocar o Brasil de volta na disputa e levar a partida para o tie-break: 25 a 18.

A Itália foi a primeira a marcar, duas vezes. Brasil encostou: 3 a 3. Os italianos voltaram a tomar a frente, mas com Wallace o Brasil virou: 8 a 7. Com o bloqueio eficiente e o ataque funcionando, os italianos tomaram a dianteira e abriram vantagem. Conseguiram fechar o tie-break em 15 a 12 e a partida em 3 a 2.

Foto: FIVB

1 Comentário

1 Comentário

  1. DONI

    13 de setembro de 2017 em 03:03

    alguém pode me dizer o que o Renan esta fazendo na seleção

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba novidades do OTD

* = campo obrigatório

powered by MailChimp!

Mais em Vôlei